Bandeiras Tarifárias

Menu CSS

 

   NOTÍCIAS
Assembleia de acionistas para alteração do capital social

A Eletrocar- Centrais Elétricas de Carazinho S.A. convocou no último dia 30/06 os senhores acionistas para reunirem-se em Assembleia Extraordinária, onde promoveram por unanimidade a alteração do capital social da companhia.

Os membros do Conselho de Administração analisaram antecipadamente à proposta de aumento de capital social da Companhia conforme Artigo 166 da Lei n.º 6.404/76, submetendo tal proposta à deliberação dos acionistas da Companhia, observando-se os seguintes termos e condições: (a) Valor do aumento: R$2.100.000,00 dois milhões e cem mil reais), passando o capital social da Companhia dos atuais R$ 8.300.000,00 (oito milhões e trezentos mil reais) para R$ 10.400.000,00 (dez milhões e quatrocentos mil reais). (b) Integralização: mediante capitalização dos recursos disponíveis na Reserva de Capital no valor de R$ 91.875,00 (noventa e um mil oitocentos e setenta e cinco reais) sem a emissão de novas ações, conforme Art. 169, §1º da LSA; (c) Integralização: mediante capitalização dos recursos disponíveis na Reserva de Capital, valor especifico do acionista majoritário, o Município de Carazinho, no valor de R$ 2.008.125,00 (dois milhões, oito mil e cento e vinte e cinco reais), mediante a emissão de 103.779 (cento e três mil setecentos e setenta e nove) novas ações ordinárias, nominativas e sem valor nominal, convertidas ao preço do Patrimônio Líquido em 31/12/16, conforme Art. 170, §1º da LSA; (c.1) Direitos de preferência: Os demais acionistas terão direito de preferência na subscrição de ações no percentual que farão jus, Art. 171 da LSA, até 30 dias após a aprovação pela Assembleia Geral Extraordinária. O Conselho Fiscal também analisou e aprovou as alterações do capital social.

No mesmo ato, foram realizadas correções na publicação da Convocação - Ordem do Dia, da Assembléia Geral de acionistas realizada anteriormente, á pedido da Jucergs. O material da reunião será encaminhado para arquivamento conforme a legislação.

Fotos: